Browse By

Vale do Jamari ganha impulso com compras públicas

O Desenvolvimento Econômico Territorial (DET) é uma estratégia do Sebrae para todo o país, adotada nos Estados para desenvolver economicamente as localidades com fomento da produção, e estruturação de um ambiente favorável às micro e pequenas empresas.
De acordo com Franciluci do Nascimento, analista técnica da unidade do Sebrae em Ariquemes, as ações que serão desenvolvidas até 2017 – buscam atrair, reter e manter recursos circulando no local onde o trabalho é feito: “É uma forma de dinamizar a economia, tornando-a mais atraente, seja para quem reside ou quem circula pelas cidades integrantes, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida”.
Na região do Vale do Jamari, o principal objetivo do DET é o fomento da economia nos municípios, gerando atividades que formam um conjunto de produtos e serviços capazes de atender a população. Dessa maneira, há a formação de novos fluxos econômicos e mais oportunidades de desenvolvimento. Fazem parte do projeto, Ariquemes, Buritis, Campo Novo, Monte Negro, Theobroma, Machadinho, Vale do Anari, Jaru, Alto Paraíso, Rio Crespo, Cacaulândia, Cujubim e Governador Jorge Teixeira.

Metodologia

O projeto tem como etapas metodológicas: conhecimento e informação qualificada do território; articulação de rede de cooperação; acesso ao mercado; poder de compras; público-privado; atendimento e organização dos setores empresariais prioritários; criação de ambiente de negócios favorável a partir da Lei Geral das MPE; e criação de rede de agentes de desenvolvimento.
Todo o projeto tem sua base de atuação a partir do diagnóstico elaborado pelo Sebrae na região e a atuação com incentivos à implementação da Lei Geral nos municípios por consultorias diretamente nas prefeituras, com o enfoque na desburocratização e nas compras governamentais.Nessa etapa, foram identificadas oportunidades de ampliação do fornecimento local pelas empresas já instaladas nos municípios e região do Vale do Jamari.
Todo esse trabalho é necessário para que o município possa beneficiar as empresas da região, adequando a sua legislação e aplicando os critérios que independem de leis próprias, como os editais exclusivos para as micro e pequenas empresas, por exemplo, nas compras de até R$ 80 mil. Outro objetivo é gerar a preferência local/regional nas licitações. Com essa mudança de atuação, de forma legal, é possível ampliar os recursos circulando pela região por meio das compras governamentais.

Levantamento

A próxima etapa é a finalização dos diagnósticos nos outros municípios, com o levantamento das informações necessárias à realização de um plano de compras que poderá ser acessado pelos empreendedores da região do Vale do Jamari. Dessa maneira, as empresas poderão ter tempo de se preparar para as licitações.

Para mais informações sobre o DET e seus benefícios para o Vale do Jamari, acesse www.sebrae.ro ou ligue gratuitamente para 0800 570 0800. Fonte: Inforondônia

Deixe uma resposta