Browse By

Homem é espancado até a morte sob acusação de abuso de criança

Na madrugada deste domingo (22), um homem foi espancando até a morte acusado de estuprar um criança de apenas 6 anos. O caso aconteceu na Rua Charles Shockness, no Bairro Triângulo, em Porto Velho.

Uma guarnição da PM foi acionada  para averiguar uma ocorrência de lesão corporal na madrugada. No entanto, lá chegando, os policiais militares encontraram José Maria Venâncio dos Santos, 46 anos, já caído no chão sem sinais vitais.

O suposto homicida, J.S.S., 35 anos alegou que a vítima teria praticado ato libidinoso contra sua filha de 6 anos. Junto com B.S.N., 27 anos, os dois afirmaram que o responsável pelo assassinato de José Maria teria sido o próprio sobrinho do morto.

Após ser acionada, a guarnição solicitou o apoio do Samu, e a médica de plantão constatou o óbito por consequência de espancamento. Assim que foi feita a perícia técnica e comunicado o fato aos agentes da Polícia Civil, o rabecão do Instituto Médico Legal (IML) levou o corpo para a necropsia.

Todavia, os policiais militares foram informados de que os conduzidos J.S.S. e B.S.N. seriam os responsáveis pelo crime e que moravam na Estrada de Ferro na Vila Candelária. Em descolamento, logo se depararam com uma casa no final de um beco com as luzes acesas e pessoas dentro ingerindo bebida alcoólica.

Em dado momento, observaram que um dos suspeitos ao avistar a viatura tentou fugir, mas foi detido pelo comandante da guarnição foi identificado sendo Bruno. Ao fazerem o cerco flagraram Júlio tentando empreender fuga pela porta de trás da residência com uma bermuda jeans suja de sangue, o qual confessou o homicídio. Também disseram que a vítima do homicídio é tio de Júlio e o mesmo havia feito ato libidinoso na filha do sobrinho de seis anos de idade.
Ambos receberam voz de prisão e foram encaminhados para a central de flagrantes.

Deixe uma resposta