Browse By

Pai e Filho são presos pelo crime de estelionato

Na manhã desta segunda-feira (6), Eduardo Henrique do Amaral, 40 anos, se apresentou na 2ª Delegacia de Polícia acompanhado de seu advogado. Eduardo teve sua prisão preventiva decretada após várias denúncias e investigações da Polícia Civil sobre crimes de estelionato em Ji-Paraná.

Na última sexta feira, seu pai, Edgar Landgraf do Amaral, 73 anos, também prestou depoimentos na 2ª DP. Ambos são suspeitos de aplicar diversos golpes na cidade, se aproveitando da posição social e da vulnerabilidade das vítimas, que em casos de emergência realizavam negociações sem as devidas precauções.

Após prestarem depoimentos, pai e filho foram levados ao Presídio Central. Segundo a delegada Fabiana Braguin, que preside as investigações, os inquéritos policiais deverão ser concluídos no prazo de 10 dias, sendo apresentados para o Ministério Público.

Pai e filho ainda são investigados pelo crime de ameaça e falsificação de documentos. As vítimas dos suspeitos de estelionato que não registraram ocorrência, devem procurar a delegada na 2ª DP.

O crime de estelionato esta previsto no Código Penal, no Art. 171: Obter, para si ou para outrem, vantagem ilícita, em prejuízo alheio, induzindo ou mantendo alguém em erro, mediante artifício, ardil, ou qualquer outro meio fraudulento. A pena para o crime pode variar de 1 (um) a 5 (cinco) anos reclusão, além de multa.

Deixe uma resposta