Browse By

Homem confessa que matou segurança em novembro de 2016

Em cumprimento de um mandado de prisão preventiva, a equipe do Serviço de Investigação do 2º DP de Ji-Paraná, prendeu Jeferson Nunes da Silva, 24 anos, na manhã desta quarta-feira.

O rapaz foi preso em casa, no Bairro JK, segundo distrito de Ji-Paraná. Na delegacia, o mesmo confessou ter assassinado Vanderlei Pereira Barbosa, que completava 33 anos no dia em que foi morto. O crime ocorreu no dia 11 de novembro de 2016 e a Barbosa foi morto em frente a um bar, na T18 Avenida Brasil, no bairro Nova Brasília.

Jeferson disse à polícia que a confusão teria começado duas semanas antes da data do assassinato, em uma casa de shows. Após uma confusão na festa, o segurança Vanderlei aplicou-lhe, um “Mata-Leão” (golpe de imobilização) e o pôs para fora da casa noturna.

Desentendimento

No madrugada em que ocorreu o homicídio, Jeferson encontrou Vanderlei no banheiro de um posto de combustível que fica em frente ao Bar, e ali houve um novo desentendimento entre os dois e Vanderlei teria o ameaçado. Foi quando Jeferson se apoderou de um Revolver e foi ao encontro de seu desafeto que já estava em Frente ao Bar e efetuou diversos tiros contra  Vanderlei que morreu na porta estabelecimento e em seguida fugiu do Local.

A Polícia civil deverá concluir o inquérito nos próximos dias e acredita que outra pessoa pode ter participação. O acusado disse ainda que o revolver usado naquela noite foi jogado em um Rio. Depois prestar depoimento Jeferson foi levado ao presidio central

O acusado já respondeu processo criminal por porte ilegal de arma de fogo.

Deixe uma resposta