Browse By

Dr Hildon afirma que servidor em greve será descontado

Seguindo entendimento do Supremo Tribunal Federal (STF), que decidiu que o poder público deve cortar os salários de servidores em greve, o prefeito de Porto Velho, dr Hildon Chaves, avisou aos servidores municipais propensos a aderirem a uma greve, que os eventuais dias parados serão descontados em seus vencimentos.

Na manhã desta segunda-feira um grupo de servidores foi levado por lideranças sindicais a protestaram em frente à prefeitura pela retirada gradual do quinquênio. O chefe de gabinete, advogado Breno Mendes, recebeu a comissão de lideranças, falou do encaminhamento de todos seus questionamentos, mas recebeu como resposta a informação de que nesta terça-feira o grupo vai voltar a se reunir no mesmo local e propor, em assembleia, a deflagração de greve.

“Não há absolutamente motivo para essa greve. O pagamento de salários está em dia e as reivindicações estão na mesa de negociação. Não há, portanto, motivo algum que dê embasamento ao suposto movimento. Se ela (greve) for declarada, vamos seguir a decisão do STF, cortar o ponto dos faltosos, descontar os dias parados e encaminhar à Justiça o pedido de decretação da ilegalidade da paralisação”, alertou o prefeito.

Deixe uma resposta