Browse By

Vereadores atuantes apresentam quatro requerimentos e 27 indicações na 4ª sessão ordinária

A Câmara de Vereadores de Vilhena realizou a 4ª Sessão Ordinária do ano nesta terça-feira (07). O vereador Samir Ali presidiu a sessão, já que Adilson de Oliveira estava em Juína, com a finalidade de agilizar a pavimentação da rodovia que liga as duas cidades.

Na sessão foram lidos 17 projetos de leis que vão entrar em votação na próxima sessão, além de quatro requerimentos parlamentares, uma moção de aplauso e 27 indicações dos vereadores ao poder executivo.

Os requerimentos, além de lidos, foram votados e aprovados por unanimidade pelos vereadores presentes.

FRANÇA SILVA

O primeiro foi de autoria do vereador França Silva (PV) que requereu ao poder executivo a cópia do ato normativo que regulamentou a lei nº 4.302/16, que normatiza a saúde bucal do idoso.

CÉLIO BATISTA

O vereador Célio Batista (PR) fez três requerimentos ao executivo, um para  saber o motivo da extinção da Comissão de Recebimento  de Medicamentos do Hospital Regional e quais medidas serão tomadas para substitui-la. Outro requerimento pede informações sobre a execução da emenda parlamentar nº 37080001 de autoria do Deputado Federal Luiz Cláudio, no valor de R$ 145.147,00, e por fim, Célio pediu informações sobre a situação da instalação da iluminação pública da BR-174 dentro do perímetro urbano.

VERA DA FARMÁCIA

A vereadora Vera da Farmácia (PMDB) usou a tribuna para justificar as três indicações apresentadas na sessão. Ela reivindica a regularização da área no perímetro urbano e chacareiro no distrito de Nova Conquista. Na área do assistencialismo, ela solicitou a promoção de cursos de manicure e cabeleireiro para atender os moradores do bairro União, assim como a oferta de cursos de pintura em tecido, artesanato, corte e costura para a população. No trânsito, ela sugere a liberação de circulação de veículos leves e motos, além da sinalização na rua que dá acesso à rua Dal Toé e a Av. Brigadeiro Eduardo Gomes entre o Park Shopping Vilhena e o Terminal Rodoviário.

LENINHA DO POVO

A vereadora Leninha do Povo (PTB) foi à tribuna da Câmara para defender sua indicação ao poder executivo para a contratação de técnicos em enfermagem, segundo a vereadora a prefeitura contratou novos médicos para suprir a necessidade do Hospital Regional, no entanto, ainda falta a contratação de outros profissionais e os técnicos de enfermagem são outra necessidade.

Leninha ainda ressaltou em outra indicação, a importância e urgência da contratação de uma empresa local para a realização de exames como endoscopia, que estão sendo agendados para serem feitos em Cacoal e com datas superiores há 30 dias.

RONILDO MACEDO

Ronildo Macedo (PV) comentou durante sua oratória na sessão que se deve ter uma atenção maior à segurança pública em Vilhena, principalmente no bairro Cristo Rei onde acontecem a maioria dos homicídios. “A maioria é motivado pelas drogas e acredito que com uma segurança pública melhor e projetos voltados aos jovens e combate às drogas esse quadro pode mudar”, analisou o vereador.

O vereador do PV ainda falou da sua reivindicação através de indicação parlamentar para a pavimentação da rua 1.501 no bairro Cristo Rei, que há anos os moradores pedem o asfaltamento da rua, que tem grande movimento, principalmente nos dias em que há feira.

SAMIR ALI

O Vice-presidente da Câmara, Samir Ali (PSDB), defendeu a construção de um parque infantil coberto na escola municipal Infantil Professora Aparecida da Silva e também a restauração da parte elétrica da escola, para poder suportar a instalação de ares-condicionados. Samir defende suas indicações dizendo que a escola é de tempo integral e as crianças necessitam de um conforto maior para passarem o dia todo por lá e que a prefeita Rosani Donadon devem investir na escola.

RAFAEL MAZIERO

Rafael Maziero (PSDB) indicou a inclusão de um ponto de parada no Atacadão nas linhas de transporte público municipal em Vilhena para que pessoas que não possuem veículo possam comprar no local e fazer economia. Maziero também solicitou a concessão de uma ajuda de custo para os atiradores do Tiro de Guerra de Vilhena e apresentou um anteprojeto para tal. O sargento Denizar da instituição fez uso da tribuna para agradecer a iniciativa do vereador e apresentar os benefícios que o TG traz para a sociedade.

Deixe uma resposta