Browse By

Maurão busca soluções para Ministro Andreazza e Rio Cresp com seus prefeitos

As obras de restauração do asfalto urbano em Ministro Andreazza estão asseguradas, graças à emenda individual de R$ 180 mil do presidente da Assembleia Legislativa, Maurão de Carvalho (PMDB). A garantia foi dada durante reunião com o prefeito Arnaldo Strellow (PMDB), nesta semana na capital.

“Andreazza é mais um município atendido com emenda nossa com a finalidade de recuperar o pavimento urbano. A cidade precisa desse serviço e estamos liberando o recurso para que o Departamento de Estradas de Rodagens (DER) compre a massa asfáltica e execute a obra”, disse Maurão.

O presidente ainda assegurou mais R$ 300 mil para a prefeitura realizar a recuperação das estradas vicinais. “Vamos receber outros R$ 300 mil do Fundo de Infraestrutura de Transportes e Habitação (Fitha) para que possamos atuar na melhoria das nossas estradas”, completou Arnaldo.

Maurão de Carvalho anunciou que a recuperação de toda a extensão da RO 471, ligando Ministro Andreazza à BR 364, em um trecho de 27 km, será iniciada em breve pelo DER. “Máquinas do DER atuam no Cone Sul e tão logo encerrem esse serviço, o próximo a ser executado é o recapeamento da RO 471”, assegurou.

O deputado e o prefeito voltaram a comentar também sobre a necessidade de asfaltamento dos 28 quilômetros no trecho da mesma RO 471, ligando Andreazza ao Estado do Mato Grosso, no distrito de Rondolândia. Os estudos de topografia já foram iniciados.

“É uma rodovia importante, pois interliga dois Estados e numa região muito próspera, que está crescendo e ampliando cada vez a sua produção agropecuária”, destacou Maurão.

Transporte escolar

Em dificuldades para manter o transporte escolar, o prefeito de Rio Crespo, Evandro de Faria, o Lezão (PR), voltou a se reunir com o presidente da Assembleia Legislativa, Maurão de Carvalho (PMDB) e com o deputado estadual Adelino Follador (DEM), para buscar uma saída para o impasse.

A vice-prefeita, Cassiane Andrade (DEM) e as secretárias de Educação, Clarê Mochinsk, e de Ação Social, Rozane de Faria, também participaram da reunião. Maurão buscou contato com o secretário estadual de Educação, Valdo Alves, para que recebesse a comitiva de Rio Crespo, para tratar do assunto.

“Hoje, o custeio do transporte escolar está muito alto e a prefeitura não aguenta pagar a conta. É preciso que o Estado aumente o repasse, pois transportamos alunos da rede estadual de ensino também”, explicou Lezão.

A maioria dos estudantes da Rede Municipal de Rio Crespo é do meio rural e os custos de transporte acabam onerando o orçamento da Secretaria Municipal de Educação.

Deixe uma resposta