Browse By

Período de proibição de plantio de soja chegou ao fim; agora é ficar de olho no cadastramento

O vazio sanitário da soja, período em que o cultivo de soja fica proibido, terminou ontem. O período começou em 15 de junho e é uma medida importante para evitar a ferrugem asiática da soja, doença que pode causar grandes prejuízos à lavoura.

Com o término do vazio e início do plantio da nova safra, começa também a obrigatoriedade de cadastrar as áreas de soja para a safra 2017/2018 na Idaron. O cadastro pode ser feito nas unidades de atendimento da Agência ou pelo site www.idaron.ro.gov.br até 30 de dezembro.

“O cadastro é uma oportunidade tanto para atualizar dados de produtores e propriedades já cadastrados quanto para novos cadastros, pois é uma ferramenta muito importante para ações de defesa vegetal”, alerta Rachel Barbosa, gerente Defesa Sanitária Vegetal da Idaron. Ela solicita que os produtores realizem o cadastramentoo mais breve possível.

Na safra 2016/2017, foram cadastradas 1243 áreas produtoras de soja, totalizando 262 mil hectares. Neste vazio sanitário, foram realizadas aproximadamente mil fiscalizações em todo o estado.

O município com maior área de plantação de soja foi Vilhena (45 mil ha), seguido de Corumbiara (37 mil ha), Pimenteiras do Oeste (32 mil ha), Cerejeiras (29 mil ha) e Chupinguaia (22 mil ha). Os municípios com mais propriedades produtoras são: Cerejeiras, Corumbiara, Pimenteiras do Oeste, Cabixi  e Vilhena.

Deixe uma resposta